Mais de 60.000 alunos capacitados no curso nr10 online

MG (31) 3495-4427, MG (31) 3450-3644, MG (31) 99201-0939, SP (11) 2368-9882, SP (11) 3522-8441,RJ (21) 4063-9441, PR (41) 4063-5441, RS (51) 4063-7441 , DF (61) 4063 6405

Situação de Overdose como agir?

por: MA Consultoria

SITUAÇÃO DE OVERDOSE COMO AGIR?

Modulo Primeiros Socorros no curso nr10 online.

BOMBEIRO CIVIL EM EVENTOS: O que fazer em situação de OVERDOSE

Em locais onde estão presente grandes concentrações de pessoas é indispensável a presença de uma equipe de Bombeiros Civil. A presença dos mesmos assegura que as medidas corretas serão tomadas em caso de possíveis ocorrências que demandam técnicas de primeiros socorros e combate a incêndio no evento. O Bombeiro Civil tem o papel de zelar pela saúde e integridade física de todas as pessoas presentes no ambiente, proporcionando assim, mais tranquilidade e segurança para os frequentadores do ambiente.

 

Como conhecemos, na maioria das festas, festivais musicais, artísticos, entre outros, tem o consumo de bebida alcoólica também sendo possível a presença de substâncias ilícitas no local. E muitas das vezes o consumo excessivo dessas substâncias pode vir levar a pessoa a desencadear uma crise de overdose, quadro que pode levar a vítima a morte em pouco tempo.

 

A overdose é uma condição clínica grave desencadeada pelo consumo exagerado de determinada substância em curto espaço de tempo. Com o consumo elevado, a concentração dessas substâncias aumenta de forma que o organismo não consegue eliminar o excesso antes que efeitos colaterais perigosos possam se manifestar. Diante desse tipo de situação devemos avaliar rapidamente o possível agente causador do problema, objetivando evitar maiores complicações.

Como agir diante de uma situação de Overdose?

Caso a substância causadora da overdose seja identificada, deve-se apresenta-la para a equipe de emergência. Essa informação é importante para saber quais as medidas tomar na hora do tratamento.   

 

Não devemos deixar a vítima sozinha em hipótese alguma, mesmo que inconsciente. Não tente induzir a vítima a vomitar, pois o agente causador o problema já foi absorvido pelo organismo. O vômito forçado é ineficaz e pode levar a vítima ao sufocamento. Não recomenda-se tentar manter a vítima consciente. Qualquer tipo de movimento físico acelera a absorção da substância tóxica pelo organismo, então conclui-se que devemos deixar a vítima em repouso.

Se atine para os seguintes sinais, eles são cruciais no momento de constatar uma possível overdose, os sintomas são os seguintes: perda de consciência, excesso de sono, confusão, respiração acelerada, vômitos e pele fria.

 

Tente identificar o nome da vítima e a chame por ele. Se possível mantenha a pessoa acordada, verificando constantemente os sinais vitais.

 

Vítima Consciente: Se verificado que a pessoa está respirando, deixe ela na posição mais confortável possível até a chegada do atendimento especializado.

 

Vítima Inconsciente: O primeiro ponto é determinar se a vítima possui algum nível de consciência, toque no ombro dela e pergunte se está tudo bem. A pessoa abordada de forma brusca pode se despertar manifestando ações agressivas, podendo ferir quem está tentando ajudar.

 

Se realmente constatado que a vítima não está consciente mas respira normalmente, deite ela de lado em posição de segurança (caso a vítima seja gestante, lateralize ela para o lado esquerdo), assim prevenindo um possível afogamento caso a vítima apresente vômito.

 

Já em casos que a vítima não apresenta sinais vitais e é constada uma PCR (Parada Cardiorrespiratória), precisamos iniciar rapidamente a manobra de RCP (ressuscitação cardiopulmonar).

 

Lembrando que essa técnica precisa ser executada com qualidade e eficiência até que o Suporte Avançado esteja presente.

Instruções para executar uma manobra de rcp eficaz

anotação de responsabilidade técnica

Conheça mais sobre a técnica de RCP (ressuscitação cardiopulmonar)

No curso nr10 online da MA Consultoria você aprende sobre Hemorragias e muito mais em nosso Modulo de primeiros socorros.